skip to Main Content
Como Conseguir Parcerias No Terceiro Setor

Como conseguir parcerias no terceiro setor

Talvez você ainda não tenha notado, mas o terceiro setor tem um leque de oportunidades de fazer boas parcerias com diversas empresas!

Hoje, a nossa contabilidade para o terceiro setor pensou nessa abordagem de tão grande relevância e, a partir de agora, iremos conhecer alguns critérios de como conseguir parcerias no terceiro setor. Vamos lá?

Do que você precisa?

Como uma ONG, você precisa definir que tipos de coisas, materiais, e ajuda você precisa. Por exemplo, se você tem uma instituição que recebe pacientes com câncer e eles dormem e se alimentam em sua organização, enquanto recebem o tratamento, será uma boa ideia pedir ajuda de algumas empresas que possam e tenham interesse em doar alimentos, materiais de higiene ou limpeza, por exemplo. Imagine quanta redução de gastos você poderia ter, caso tenha essas doações vindas de outras organizações! Portanto, um dos primeiros passos é:
  • Listar o que você precisa;
  • Listar quanto de cada item você precisa;
  • Listar por que você precisa desses materiais.
Bom, todas essas listas servem como demonstrativo. Ou seja, os doadores, antes de cederem a doação, vão querer saber para que será direcionado aqueles itens ou produtos e, por isso, se faz importante você enumerar e estruturar essas necessidades de forma que tragam informações relevantes sobre o trabalho que sua ONG faz.  Percebe a importância de tudo isso?

Fale com as empresas e mostre o seu trabalho

Se sua ONG não é notada pelo trabalho que realiza, como você vai conseguir fechar parcerias positivas? E quando falamos em visibilidade, não estamos dizendo que seja essencial ter um valor para investir em propaganda. Se isso puder ser feito, ótimo, com toda certeza, ajudará bastante. Mas, se não houver essas condições ainda, a melhor forma é usar o serviço de telemarketing para apresentar a organização filantrópica, envolvendo cada vez mais pessoas na missão e nos valores da ONG.  Buscar voluntários que possam se dedicar algumas horas por dia e por semana para realizar esse trabalho, seria muito bom!