skip to Main Content
Empresa Individual? Qual A Vantagem?

Empresa individual? Qual a vantagem?

Pretende abrir uma empresa individual? Descubra as vantagens desse modelo empresarial.

Muitas pessoas pensam em montar empresa… Isso é comum e envolve o sonho de mais gente, afinal de contas, ser empreendedor, ser o dono de um negócio, se tornar seu próprio patrão, é, sem sombra de dúvidas, uma INCRÍVEL virada de vida!

Por isso, hoje, decidimos falar sobre empresa individual – quais serão as vantagens de uma?

Vamos lá, entender melhor?

O que é uma empresa individual?

Antes conhecida como firma individual, esse modelo de empresa ocorre quando o empresário usa seu nome próprio para uma atividade empresarial, sendo assim o titular do negócio.

Portanto, aqui nesse tipo de empresa, a razão social deve ser composta sempre pelo nome civil do proprietário, podendo esse nome ser usado completo ou abreviado. Também é possível usar outro nome como referência da atividade comercial. Sendo assim, vale salientar que nesse tipo de empresa, tanto o patrimônio da empresa como o de pessoa física, são um só, por isso, nos casos em que CPF ou CNPJ tiverem dívidas, o titular sempre responderá por ambos sem separação.

Para quem é indicado abrir empresa individual?

  • Para quem não deseja firmar sociedade.
  • Para profissionais autônomos.
  • Para freelancers.
  • Para profissionais liberais que desejam formalizar suas atividades perante o mercado.

Algo importante a se destacar sobre o assunto é que, comumente, as pessoas confundem muito a empresa individual com o MEI – que é um formato por um Microempreendedor Individual – mas ambas são diferentes!

Por exemplo:

  • O empresário individual, quando enquadrado no Simples Nacional, pode, se for ME (Microempresa), faturar anualmente até R$ 360 mil. Já se for EPP, ou seja, uma empresa de pequeno porte registrada, poderá faturar entre 360 mil a R$ 4,8 milhões ao ano. Já se a empresa estiver enquadrada em outros tipos de regime, como Lucro Presumido ou Real, o limite de faturamento muda.
  • Já o MEI – que é o Microempreendedor Individual – só pode faturar até R$ 81 mil por ano. Ou seja, se tem um faturamento bem limitado.

Como abrir empresa individual em meu estado?

Vamos lá!

Com toda certeza, um contador especializado vai poder te ajudar grandemente em muitos sentidos, ok?

Assim, vamos aos passos mais comuns e básicos, só para você começar a entender o que vai precisar:

    1. Validar com os órgãos necessários, se você pode atuar com aquela atividade econômica.
    2. Validar licenças para funcionamento.
    3. Iniciar um processo de abertura na Junta Comercial do seu Estado.
    4. Realizar um requerimento de empresário.
  • Entre outros, que devem seguir um passo a passo, onde um contador poderá auxiliá-lo de maneira apropriada e coerente com as exigências legai